News

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Shot #15: O Jornalista Desportivo, de Richard Ford





Há na escrita denotativa de Richard Ford uma zona de conforto, apaziguadora, devido a uma espécie de reconhecimento do discurso quotidiano da imprensa. O autor norte-americano, com o seu nome associado ao Nobel da Literatura, vai delineando a solidão de um homem divorciado- apesar da neo-relação amorosa com Vicky Arcenault e de partilhar a casa com um hóspede- e pai de um filho falecido na infância. O jornalista desportivo, Frank Bascombe de seu nome, está adaptado a esta solidão. Frequenta um clube de divorciados, bebe as suas cervejas nos bares mais sugestivos de Hadam, subúrbio de New Jersey, e aproveita os bons momentos porque conhece a possibilidade do caos. Tem 38 anos e afirma que “para a vida valer a pena, temos de enfrentar mais cedo ou mais tarde a possibilidade de um terrível e doloroso arrependimento. Devemos, porém, tentar evitá-lo, caso contrário ficaremos com a vida arruinada. 
Acredito ter feito estas duas coisas. Dominei o arrependimento. Evitei a ruína. E ainda aqui estou para falar disso.” 
E o que Bascombe conta é mais sobre a passividade de um indivíduo perante tudo o que o rodeia do que sobre desporto. O tom melancólico da prosa parece ser o tom passivo de quem enfrenta o quotidiano sem pressa nem expectativas. Aliás, Richard Ford dá-nos mais de 400 páginas de “não acontecimentos” (exceptuando um suicídio). Ford não explora o drama da morte do filho nem a ruptura do casamento. A sua visão incide sobre o “day after”, o momento em que o indivíduo já (quase) se pacificou com o que lhe aconteceu. 
“O Jornalista Desportivo”, publicado em 1984, iniciou a “trilogia Bascombe”, composta também por “O Dia da Independência” (Prémio Pulitzer e PEN/Faulkner) e “A Pele da Terra”. 
Fazer do quotidiano literatura, utilizando a linguagem denotativa, mais jornalística, enquanto incide sobre a dormência não é o caminho mais fácil para um escritor. Não é o mais fácil nem é para todos, mas é para Richard Ford. 


O Jornalista Desportivo
de Richard Ford 
ISBN: 978-972-0-03105-1
Edição ou reimpressão: 09-2019
Editor: Porto Editora
Idioma: Português
Dimensões: 152 x 235 x 28 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 424
Tipo de Produto: Livro











Sem comentários:

Formulário de Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Arquivo do blogue