News

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Shot #9: “Miscelânea de factos essenciais e curiosidades inúteis do senhor Lubbock”, de Paulo Ferreira





A meteorologia é um bom refúgio quando não temos nada para dizer. Mas a conversa termina depois de duas ou três frases de circunstância. E depois? Como podemos sobreviver àquele silêncio constrangedor? 
“Miscelânea de factos essenciais e curiosidades inúteis do senhor Lubbock” (Objectiva), escrito por Paulo Ferreira, é uma ajuda preciosa. 
Este almanaque é um conjunto de factos sobre várias áreas. A inerente pluralidade permite adaptar o desbloqueador de conversa aos interlocutores. Podemos falar com um “metaleiro” sobre a costela em falta de Marilyn Manson, ou com um apaixonado pela física sobre o Busão de Higgs, ou ainda sobre a origem dos epítetos "Águias, Gunners e Merengues" com um adepto de futebol. De forma genérica, podemos ainda desbloquear a conversa referindo a temperatura dos testículos dos mamíferos, ou o apetite sexual dos ratos e das ratazanas. 
Se o leitor pensa que esta miscelânea não permite desenvolver a conversa, engana-se. Basta juntar várias curiosidades. Com engenho – nem é preciso muito-, podemos juntar as mil e uma formas de dizer “regueifa” às mil e uma formas de dizer "quinta perna de um cavalo" ou às de dizer "tintins". Se preferir algo menos prosaico, junte "O atraso de Einstein" à "Em expansão, o Universo e a estupidez humana". Muitas combinações dadas a quem tem falta de conversa para ultrapassar encontros inoportunos. Este é o livro que não sabíamos que fazia falta, mas descobrimos que, afinal, o devíamos ter lido mais cedo.  
Paulo Ferreira dá-nos uma ferramenta para nos afigurarmos inteligentes, mesmo que não sejamos assim tanto. Há, obviamente, informação já sabida (não somos assim tão limitados), mas é nessas situações que o autor faz a diferença. O bom humor e a ironia afastam a sensação de repetição. Sim, sabemos, mas Paulo Ferreira conta de forma a que sintamos o gosto de recordar essa informação. 

Este almanaque do venerável John Lubbock, 1.º Barão Avebury e amigo de Charles Darwin, espelha o conhecimento acumulado no exercício de muitas actividades . Lubbock foi banqueiro, político, biólogo, arqueólogo, etnólogo. 
“Miscelânea de factos essenciais e curiosidades inúteis do senhor Lubbock” é um oxímoro de 143 páginas. Apresenta-se como somatório de inutilidades, mas revela-se com muitos verbetes úteis. 
Este livro pode ser visto como destinado a iniciantes na difícil tarefa de desbloquear conversas. São necessários novos volumes para quem tem necessidade de projectar a imagem de inteligente durante mais tempo do que um iniciante.



 ISBN: 9789896656614
Ano de edição ou reimpressão: Editor: ObjectivaIdioma: PortuguêsDimensões: 138 x 235 x 15 mmEncadernação: Capa duraTipo de Produto: Livro









Sem comentários:

Formulário de Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Arquivo do blogue