News

terça-feira, 12 de março de 2019

Divulgação: Fósforos e Metal sobre Imitação de Ser Humano, de Filipa Leal







Novo livro de Filipa Leal
Fósforos e Metal sobre Imitação de Ser Humano será lançado no Porto e em Lisboa


Depois de Vem à Quinta-Feira, a Assírio & Alvim publica Fósforos e Metal sobre Imitação de Ser Humano, de Filipa Leal, que chega às livrarias a 14 de março. O livro será lançado no Porto, no âmbito do Porto de Encontro, a 23 de março, às 17:00, na Biblioteca Municipal Almeida Garrett. Em Lisboa, a apresentação será na livraria Ler Devagar, a 28 de março (18:30), por António Mega Ferreira.

Mulher a inventar o corpo, a boca
cheia de vestígios de pântano, de heras,
de lodo, de incomunicabilidade.
Mulher segurando a máscara,
preparando-se para o esconderijo,
para a fácil loucura de já não ser real.
Mulher de perfil, tão pendurada, tão sem olhos
frontais, provocando-se a própria obra que a inclui,
desmotivando-se de tudo o que não for matéria,
soltando-se de todos os que a vêem bem.
Mulher enchendo-se de bronze,
tapando-se com a escultura que ela fará

de si mesma.

SOBRE A AUTORA

Filipa Leal nasceu no Porto em 1979. É poeta, jornalista e argumentista. Publicou o seu primeiro livro, lua-polaroid, em 2003, a que se seguiram oito títulos de poesia, entre os quais A Cidade Líquida, O Problema de Ser Norte, A Inexistência de Eva, Adília Lopes Lopes, ou Vem à Quinta-feira (Assírio & Alvim). Tem livros publicados em Espanha e Colômbia. Escreveu, com a realizadora Patrícia Sequeira, a longa-metragem de cinema Jogo de Damas, pela qual receberam o prémio Golden Aphrodite de Melhor Guião no Festival de Cinema do Chipre (2016) e o Prémio de Melhor Guião no International Monthly Film Festival de Copenhaga (2017). Autora e argumentista da série Mulheres Assim, emitida na RTP1. Atualmente, colabora com o programa semanal Literatura Aqui, da RTP2 (Prémio SPA para Melhor programa de Entretenimento 2017).



Sem comentários:

Formulário de Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Arquivo do blogue